Bem Vindo a DGM Obras Sociais!

Voluntário em obras sociais

terça-feira, 16 de junho de 2009

Gerenciamento de Projetos - Guia para Iniciantes - 16 Passos!

Não há maior prazer do que servir!

BEM ÚTIL esse post do Lee Iwan!



Projetos precisam: envolver ativamente todos os membros, ter excelente comunicação e acesso às informações do projeto, ter um resultado esperado em comum, ter datas específicas para o término das tarefas, e ter todas as ferramentas (quando necessárias) disponíveis.

Se não há entusiasmo no grupo, seu projeto está morto ou fadado a ser incrivelmente medíocre e tedioso.

Tudo se baseia em questões muito simples: o quê, quando, quem, como, quanto custa, e acertar datas específicas e compromissos dos membros.

A chave do sucesso é a liderança manter o nível de entusiasmo dos membros, juntamente com alocar corretamente os recursos e as ferramentas quando necessárias, e compartilhar um sentimento de urgência em levar o projeto a sua conclusão.

Aqui está um simples guia que pode ajudar a organizar o projeto e os participantes.


16 Passos para finalizar um projeto:

1. Determine o objetivo e o resultado que é esperado. Escreva-os.

2. Identifique as pessoas que podem se interessar ou que serão necessárias para o projeto. Peça que participem e comentem sobre seu nível de entusiasmo e sobre se o projeto pode ou será bem sucedido.

3. Identifique um líder para o projeto ou coordenador, que deve ser aceito por todos no projeto, se não houver consenso, continue tentando.

4. Comece o "Brainstorming" e crie cenários sobre como atingir o resultado esperado (que deverá ser quebrado em sub-tasks). Marque uma data quando todo esse pensamento criativo for concluído e escreva um rascunho para ser impresso e compartilhado.

5. Identifique os fatores que influenciam ou limitam o projeto que estão fora do seu controle (forças econômicas, desastres naturais, competição, etc) e fatores que estão sob seu controle (capital investido, corpo de funcionários, preços, etc). Identifique os riscos ou ameaças que podem afetar o projeto. Escreva-os.

6. Identifique as ferramentas (capital, equipamento, maquinário), recursos humanos (administração, vendas, fornecedores, clientes), e o tempo requerido para completar os objetivos. Escreva-os.

7. Organize as pessoas envolvidas no projeto. Revise o projeto proposto, os fatores que podem influenciá-lo, as ferramentas, as pessoas, o tempo. Determine o melhor caminho, ferramentas, etapas e escreva-os.

8. Organize as tarefas e as sub-tarefas em ordem cronológica. Escreva.

9. Pergunte para cada participante se ele está confortável e comprometido em participar do projeto, completando suas tarefas no tempo e atingindo o resultado final. Se não houver algum problema, descubra a causa e resolva.

10. Elabore uma lista de ações e resultados iniciais que devem ser começados e entregues. Identifique as partes responsáveis e as datas. Escreva.

11. Pense em datas específicas e realistas para a conclusão das tarefas, sub-tarefas e objetivos. Escreva.

12. O líder deve acompanhar todas as datas e compromisso. Disponibilize essa informação para todos os envolvidos. Comunique todas as entregas das sub-tarefas ou falta de entregas com o grupo.

13. Certifique-se de que o grupo está consciente do status do projeto em todos os momentos, todos devem estar ou aguardando alguma informação, ou o término de alguma atividade ou trabalhando para obter a informação ou finalizando uma atividade.

14. Se um membro do grupo não estiver apto ou não irá terminar as tarefas no prazo, descubra o motivo e aja imediatamente para ajudá-lo ou substituí-lo.

15. Para qualquer problema maior ou impasses, coloque o grupo junto para trabalhar novos cenários e datas de entrega.

16. Comemore as superações e a finalização de cada fase.


Só umas coisinhas que acho FUNDAMENTAIS:


Estamos lidando com PESSOAS. Não somos seres 100% racionais.

Relacionamento, estado emocional, desejos individuais, personalidade... tudo isso AFETA MUITO, negativamente ou também positivamente, o resultado final de um projeto. Cabe ao líder saber trabalhar com isso.


Vivemos num tempo de grandes e frequentes MUDANÇAS. De uma hora para outra, tudo o que você ficou meses planejando pode ir para o ralo.

Pode acontecer de ter que parar tudo, começar do zero ou mudar totalmente de direção.

Saiba diferenciar a hora de desistir, a hora de mudar e a hora de persistir.

Extraido do blog do Nícholas Fernandes Gimenes

Postado por Pr.Dilson: "Tempos de Deus"
"DGM Noticias Sociais Evangpelicas"

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Deixe seu comentário de forma que todos possam entender seu pensamento, não cerníamos ninguém que queira manifestar-se sobre qualquer assunto, portanto seja sucinto e direto, obrigado!